A Galeria de um Clássico: North American F-86E Sabre

Bem amigos mostro mais uma vez o meu último modelo montado, terminado no meio do feriado, trata-se do North American F-86E Sabre. Um caça clássico dos anos 50, conhecido por seus épicos combates contra o MiG-15 na guérra da Coréia. Outro excelente modelo do Der Kampfflieger repitando por ASAF Nitsan.

O F-86E-10 Liza Gal/El Diablo é um dos componentes do 4ª Ala de Caças da USAF, esta unidade envolvida na Guerra da Coréia teve muitos ases, nos confrontos diretos com os MiG-15. O F-86E-10 BuAer 51-2800 pertencia ao 338th Fighter Group, baseado na base aérea de Kimpo em 1952, tendo sido pilotado por um dos ases da ala. O capitão Chuck Owens. Este militar foi um dos ases da Guerra Coréia, sendo especialista em destruir alvos terrestres e tendo confirmadas apenas duas vitórias sobre as oito estrelas que o avião ostenta na fuselagem que são creditadas a outros pilotos que voaram o F-86E antes de Chuck.

Lembrando que esse belo modelo em variadas versões está a venda na Ecardmodels originalmente na escala 1/48.

Até a próxima vez. :)

Galeria Horten Ho-229A-0 Rurflugel – 1/100

Bem amigos nesses dias apresentei na timeline do blog, uma série de posts com a montagem  dos nosso amigo o Horten Ho-229A-0, do editor Fiddlers Green, não preciso dizer o quanto é apelativo esse avião em termos de design, é inacreditável que o modelo tenha sido desenhado em 1938/39. O Rurflugel era um dos caças a jato de segunda geração que iria entrar em serviço na Luftwaffe na segunda metade de 1945, ele além de caracteristicas avançadas de design tinha uma inisutada capacidade stealth, que os alemães sabiam, porém não compreendiam porque, Hoje sabemos que a forma e o extensivo uso de madeira na aeronave era o que possibilitava a absorção do sinal do radar.  O Ho-229 era o favorito de Goering e teve desenvolvimentos de pré-produção como o A-1 com motores embutidos na asa e o B-1 projetado como caça noturno de dois lugares. A tomada da fabrica pelos americanos em abril interrompeu o programa, de modo que nenhum vôou. Espero em breve também montar esses e mostrar aqui no Blog.

Galeria Build In: Horten Ho-229 Fiddlers Green.

Além do diário de montagem aqui vai a galeria de montagem da nossa asinha voadora chucruta aproveitem…

Diario de Montagem – Horten Ho-229 Fiddlers Green – Modelo Finalizado

Finalizado:
Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Algumas comparações de tamanho:

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Uma comparação com outro Luf 46 famoso na mesma escala o Focke Wulf TA-183

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

E orgulhosamente instalado na minha seção Luftwaffe…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Até a próxima! :)

Diário de Montagem: Horten Ho-229 Fiddlers Green – Atualização 4/10/2012 – Asas, Trem de Pouso e Detalhes Finais

Estamos resumindo o nosso trabalho de montagem, já encaminhando para os finalmentes.

Com o fracasso na primeira tentativa de confecionar as seções externas das asas, imprimimos um segundo set das peças dos modelos para reposição e nova tentativa…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

O segredo para confecionar as asas é manter a curvatura no bordo de ataque e alinhar a colagem no bordo de fuga, feito isso foi só colar na seção central e a bela forma do avião apareceu!

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Para variar esqueci de tirar algumas fotos a mais da confecção da asa mas acho que a explicação escrita já contempla… ;)

Preparamos então o trem de pouso, é uma peça simples, ams que precisa de atenção nas partes que devem ser vazadas do papel. Para colagem no avião utilizamos cola CA em gel…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Preparamos então as rodas, são peças bem simples, o segredo foi dar uma deformada nas costas dos pneus e uma achatada no pneu maior da bequilha como se tivesse o peso do avião…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Fizemos então as peças que compõem as portas do trem de pouso, são em geral peças chapadas com exceção da porta da bequilha que tem o numero 23, notem que pintei de cinza escuro a parte de trás

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Aqui as peças coladas, antes demos uma dopada nas pernas do trem de pouso para garantir a rigidez necessária para não empenar…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Fiz os canos dos canhões com fio ortodôntico, colado com CA, pintado de preto e considero o modelo finalizado.

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Não sobrou quase nada a não ser umas peças para deixar o cockpit aberto…

Diário de Montagem: Horten Ho 229 Fiddlers Green – Atualização 2/10/2012 – Motores, Canopy e Outros Detalhes

Instalação dos Motores do Intra-dorso e do Canopy.

Os próximos conjuntos instalados foram os motores, inicialmente colamos as peças que compõem as entradas de ar. O burro que vos tecla esqueceu de tirar algumas fotos de todas as etapas, mas dá para ter uma idéia…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Preparação das áreas externas: exaustores e entradas de ar:

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Exaustores

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Entradas de ar…

Motores finalizados:

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

As peças que formam o motor são bem chatas de serem confecionadas, pois apresentam a base e vincos pequenos para colagem a partir da fixação dessas peças, colamos a entrada de ar e o exaustor, notem o porquê de não colar as seções externas das asas, para podermos futricar na peças do meio para ajudar na conformação da colagem…

Preparamos os cones do exaustor e dos eixos dos turbojatos…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Os cones de trás com o cockpit cortados…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Os cones da frente já colados, eu vitrifiquei essas peças com cola CA, esperei secar e pintei para dar o aspecto arredondado do avião real…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Preparei o canopy, que também é uma peça totalmente arredondada…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

A colagem aqui exigiu cuidado e atenção sob pena de não entortar a peça que é bastante delicada.

Tá ficando com a cara do avião…

Partimos então para o dorso que é protuberante, outra peça que exige atenção na sua formação e montagem…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Aqui a sequência de montagem, a peça foi colada com cuidado em alguns casos usamos um palinete de madeira de manicure para ajudar na colagem e conformação da peça.

Partimos então para as seções externas, mas já de cara contra-tempos…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

As asas serão cenas do próximo capítulo… Amanhã ;)

Diário de Montagem: Horten Ho 229 Fiddlers Green – Atualização 1/10/2012 – Seção Central da Asa

Começando o modelo, inicialmente ipearmeabilizamos as peças. Como voces podem ver os modelos Fiddlers Green em geral tem poucas peças, mas isso não quer dizer que o modelo seja de fácil montagem. Neste caso, o segredo está na construção da área central do avião. pois ela mantém a curvatura da asa.

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Aqui observamos o corte da área central da asa a peça tem uma curvatura complexa.

Iniciamos pintado as bordas e quinas com tinta aquarela e canetas marcadoras. A vantagem da tinta é com misturas conseguimos tons muito próximos ou iguais as cores do modelo…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

A base das abas de colagem também são pintadas…

Depois de tudo bem seco tratamos de fazer os vincos das peças, eu uso uma espátula dentária para vincos arredondados e moderadas e um bisturi com a lâmina cega para vincos em 90º quando se faz necessário…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Aqui a parte de trás precisa de vincos em 90º nas abas…

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Sequência de montagem da seção central:

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Zoom in (real dimensions: 640 x 480)Imagem

Começamos a colar a peça por cima, em alguns casos usamos para ajudar na colagem dos cantos arredondados, boleadores e em pontos de difícil acesso pinças, essa etapa é fundamental, pois ela define a forma do avião…