Mais uma matéria da série Máquinas – Histórias – Modelos

Pessoal

Dando uma reativada no blog, publiquei hoje uma matéria na tarjeta Máquinas – Histórias – Modelos, sobre o clássico soviético MiG-15, um dos meus aviões favoritos, construi em uma maratona cinco modelos ao mesmo tempo, a montagem pode ser vista aqui: Linha Especial de Produção: MiG-15 Mania 1/100 scale O MiG-15 é um grande clássico que não se esgota como assunto de modelagem, espero que curtam as montagens tanto quanto eu curti fazer esse clássico indispensável a qualquer coleção…

O link da matéria também pode ser acessado aqui.

Até a próxima.

Solvalou – Modelo Artesanal na Escala 1/100

Bem amigos e amigas!

Mais uma página adicionada na seção de artesania do Peres, dessa vez é um artigo que foi muito divertido de escrever, pois mistura anos 80, nostalgia, video-game old school, MSX, NES, arqueologia, papelmodelismo, scratch, minhas memórias tudo num único pacote!!!

Apresento aqui o scratch da nave Solvalou do clássico e antológico jogo para fliperamas e N plataformas de video-game Xevious. Espero que gostem da leitura e do modelo…

 

Ultima atualização do Dia

Bem amigos e amigas, na seção da Manifestaria, apresento um novo artigo, uma análise do filme “Feios, Sujos e Malvados” do genial Ettore Scola, feita para uma das cadeiras do curso de especialização em Marxsimo Clássico que estou fazendo. Como a nota já foi publicada, apresento o trabalho na forma de artigo para apreciação de vocês.

 

O link do artigo pode ser acessado aqui.

Mais um passo a passo ilustrativo.

Bem gente continuando com a nossa “escola de papel”, apresento mais um tutorial, originalmente ele tinha sido publicado na IPMS Porto Alegre, mas como todos sabem saí daquela instituição por motivos que não precisam mais ser declarados aqui, então tratei de resgatá-lo, por que é uma boa demonstração de técnicas básicas de modelismo em papel, que podem ser aplicadas em qualquer modelo de papel, nos mais diferentes graus de dificuldade. Vocês acessam o artigo, no menu El Taller del Peres ou então aqui. Boa leitura meu povo!!!

Orwell e Huxley…

Recebi esse interessante texto por email, e resolvi publicá-lo aqui, de forma permanente. É um belo recado aos que gostam de citar Orwell e Huxley sem conhecimento de causa, ou para aqueles que amam o “American Way of Life” com todas as suas implicações e retrocessos de hoje em dia…

Vocês acessam o artigo aqui. Ou no menu Paradoxos, manifestaria e panfletagem, boa leitura…

Patologias, Generalidades e Fatos…

Estava pensando  se ia transformar essas palavras em um tópico fixo, mas cheguei a conclusão que não vale a pena, até por que não vou me estender muito sobre o assunto, que para mim estava morto e enterrado.

Recebi ontem de noite um email de um amigo, com um hyperlink para o fórum de uma associação da qual já fiz parte, remetendo a uma dura crítica ao meu manifesto ” Um Triste Epílogo – The Dream is Over”.

A manifestação lateral ou unilateral é livre, assim como essa nota o também é…

Então vamos ao meu pronunciamento (nossa que chique, que importante…)

Soldado Nº 41, foi justamente por causa dos seus excelentes posicionamentos, argumentos e de outros soldados que tem a posição tão abalizada quanto a vossa, é que os acontecimentos se precipitaram para a renovação. Bom não é?

Particularmente eu acho que fizeste um serviço ao CCCP, da qual já fizeste parte e foste banido, justamente por que vossa senhoria, soldado 41 usando uma expressão da minha filha, é um chato de galocha, que insiste em impor processos horizontais em coisas sem sentido, e que em vossa estreita visão, compartilhada por alguns de seus pares, confundem a crítica , com desconstrução e mais usa de um academicismo barato em coisas absolutamente sem sentido, transforma o teu hobby numa tentativa chula de  panfletarismo enquanto que a verdadeira luta política segue ao longe e obviamente distante da vossa insignificância.

O CCCP, soldado 41, te agradece de profundo coração, e posso falar pelos demais, de nos libertar do peso que era a associação, graças a vossa senhoria e outros excelentes combatentes,  o CCCP pode hastear a sua bandeira e se fechar em uma “panela” ( não panela não, que isso companheiro!!!! Somos um grupo de amigos de verdade, o modelismo,  seja ele qual for é o pretexto para nos reunirmos, falarmos de kit, realizarmos oficinas , tomar cerveja,  fazer churrasco e rirmos de gente como… Hummm deixa pra lá…)

No mais soldado 41, estás te repetindo como sempre, com aquela ladainha que agradece ao primeiros lugares tenentes e etc, etc, etc, Porém também não tens todos os dados para escrever, então vou te contar umas coisinhas:

Sim se armaram eleições, e isso foi feito por um coletivo e não somente pelas pessoas que citasse, na falta de um regimento, a decisão foi tomada eu uma das reuniões que fosse banido soldado 41 e por ampla maioria, inclusive com uma certa contrariedade de alguns (grifo nosso)… Aliás tinha gente que queria fechar as portas e deixar vocês na mão e a ampla maioria se opôs a isso…

Ninguém abandonou nada, apenas se trabalhou na surdina, porém as mesmas pessoas, mantiveram o circo armado para que soldados como tu continuassem a brincar, não houve nenhuma sobrecarga, realmente em novembro acabou tudo…

Quanto às chapas nobre 41. Realmente estavam coalhadas de machões de teclado a sua então, porém a chapa que ficou, tinha um pouco menos de gente assim, para ver como são as coisas: o que vossa senhoria, ardilosamente esqueceu de citar, no parágrafo anterior do meu artigo, é que eu disse que também existia gente boa e desesperada com a possibilidade de tudo acabar. Que feio 41! Tentando puxar brasa pro seu assado, como se as pessoas não tivessem poder de crítica, ao ler, que isso camarada! Mata esse pequeno Stalin que vive dentro de você…

Quanto a lojistas  e associações, valente soldado 41, na mãe de todas, nos UK e EUA é terminante proibido por estatuto, lojistas comporem a direção, novamente esqueces de alguns detalhes interessantes para expor aos teus leitores, mas já que esquecesse, no melhor estilo do NKVD e da STASI em manipular os fatos eu vou colocar alguns, ou o 41 vai dizer que o lojista diretor vender um produto de sua loja para associação premiar em um evento é exemplo de lisura e ética na administração?

Curioso que o lojista tenha começado a participar ativamente do fórum quando o processo eleitoral foi aberto não?

Curioso a mostra referida ser deflagrada justamente na época do processo eleitoral, haaa, claro esqueci foi coincidência…

E sobre a arapongagem, volto a dizer, os tenentes pode sim fazer isso, mas o que esquecesse nobre 41, é que o tenente araponga saiu por que quis, e de novo o coletivo do CCCP instruiu o general da época, a destituir o comandado, que deu pulo de alegrias, por que já estava cansado de tão rica tropa em fauna e flora…

Por fim nobre e valente soldado 41, acho sim que em termos de patologia, necessitas de um psiquiatra, pois efetivamente é coro de muita gente, de diferentes lugares,  que não consegues conviver em grupo sem criticar, e sem arrumar um decálogo de polêmicas se a vossa vontade não é imposta, trata de criticar, mas como sempre, tem muito pouco a oferecer além da crítica. Veja só soldado 41, mal escreveste e o teu tópico foi trancado!!!! Que arbitrariedade, que lesa-pátria ao modelismo nacional, como são importante as vossas atitudes e manifestos.

Por último, não sei se vossas linhas, foram escritas quando da saída desse escriba da associação, porém agradeço de coração pela indicação do link à esse humilde blog. Quanta honra para um pobre Marquês…

Mais um Artigo no Taller del Peres

Bem gente dando mais uma recheada no blog, está no Taller del Peres, um tutorial de como customizei a minha Y Wing de papel na escala 1/72. Esse tuto foi originalmente desenvolvido no fórum Spacedock, depois andou pela IPMS-POA agora publiquei no Panzermodel Fórum e aqui, para consulta permanente.

Acho que a principal lição dessa demonstração, é a possibilidade de transformar um modelo de papel em uma réplica bem aceitável usando materiais corriqueiros que temos em casa e imaginação… Vocês lêem o artigo aqui

Espero que apreciem… :)

Artigo – Os Soviets da Multidão

Prezados!

Como bem sabem, os meus leitores em língua portuguesa que acompanham assiduamente o meu antigo blog no blogger, que não escondo as minhas posições à esquerda. Então, longe desse blog ser apenas mais um blog de modelismo, ele também é um instrumento de divulgação desse pensamento, mas sem extremismos e estreitimos. Tá certo que não tenho tido tempo para postar, sobre o assunto. Mas dessa vez, quero transcrever, no famoso Crtl+C mais Crtl+V um artigo de Alexei Penzin membro do Instituto de Filosofia da Academia de Ciências da Rússia, de Moscou, e membro do grupo Chto Delat. Ele analisa um artigo de Paolo Virno
Como estou fazendo um pós em Marxismo acho oportuno divulgar esse texto aqui, é tão raro vermos russos falando sobre Marxismo que achei extremamente oportuno divulgar esse texto aqui. Ele foi originalmente publicado no site da Unisinos no IHU em http://www.ihu.unisinos.br/index.php?option=com_noticias&Itemid=18&task=detalhe&id=36408. Quero agradecer ao companheiro e amigo Chico Magalhães do blog Na Praxis por ter me mando esse link via email.

O artigo está na seção manifestaria, paradoxos e panfletagem e pode ser visualizado aqui

Uma Introdução Sobre Papel Modelismo

Olá amigos e amigas.

Um pequeno update, está na seção Taller Del Peres, um transplante de um artigo que originalmente escrevi para a IPMS POA em 2006, falando sobre o papel modelismo, apesar de estar em alguns aspectos desatualizado (principalmente a parte de links), ainda rendem um bom panorama sobre o meu hobby e as suas fantásticas potencialidades. O artigo pode ser visitado aqui. Uma boa leitura pessoal.  :)Acredito que para os novatos, será de alguma ajuda. 😉

Hashima – A Ilha Fanstama

Bem amigos na seção manifestaria, paradoxos e panfletagem está depositado mais uma página sobre um assunto, que considero muito interessante: a história de Hashima, uma cidade ilha  que foi a principal mina de carvão japonesa durante o século XIX e XX, e que acabou assim num toque de mágica por uma decisão economica, e foi abandonada na metade dos anos 70, praticamente como se tivesse oc0rrido uma evacuação…

O link para o artigo está aqui espero que gostem. Boa leitura…